O POVO MACUA - DADOS HISTÓRICOS

Continua a ler

ATIVIDADES ECONÓMICAS

Continua a ler

SOCIEDADE E INDIVÍDUO

Continua a ler

ESTRUTURA SOCIAL

Continua a ler

A VIDA E A VISÃO DE MUNDO

Continua a ler

RITOS DE PASSAGEM – O NASCIMENTO

Continua a ler

RITOS DE PASSAGEM - OS RITOS DE INICIAÇÃO DOS JOVENS

Continua a ler

RITOS DE PASSAGEM - OS RITOS DE INICIAÇÃO DAS JOVENS

Continua a ler

OS RITOS DE PASSAGEM – Casamento, Relações sexuais, Divórcio

Continua a ler

A DOENÇA E OS RITOS DE CURA

Continua a ler

Os Macua – A vida e a visão de mundo

por Timi GASPARI, antropóloga

Para o povo Macua a vida e a força vital que circula no universo tem um enorme valor. Os indivíduos e as comunidades têm o objetivo de fortalecer e garantir a vida e a sua transmissão. Por esta razão, as pessoas estéreis são malvistas. Acredita-se que essas pessoas mantêm para elas, quase que de forma egoísta, a vida que lhes foi dada, não a transmite através da procriação, impedindo o seu fluxo natural.bimba

Viver é acima de tudo “crescer com”, no sentido de aperfeiçoar-se relacionando com a natureza, com a comunidade e com Deus. O homem cresce na e para a comunidade, e o indivíduo e sua individualidade são reforçados, quanto mais ele se insere mais ele contribui para a vida da comunidade. Não existe, portanto, a anulação da individualidade, mas uma visão diferente desta, como a mesma se forma e se fortalece. Toda uma série de provérbios mostram esta visão da vida: “uma mão não consegue se lavar sozinha “, “uma pessoa sozinha não constrói uma casa”, “o galo não consegue se equilibrar em um pé só, “um braço sozinho não cultiva o campo. ”

Na visão de mundo Macua não há divisão entre o sagrado e o profano, entre o mundo e Deus/o divino, entre o natural e o artificial, nem entre o homem e a natureza. O divino e o sobrenatural estão por toda parte, convivendo com e no mundo natural e humano, interagindo com ele e influenciando-o em todos os momentos. Os espíritos dos antepassados estão sempre presentes, sempre atenciosos com o que acontece com seus descendentes.  Os protege, os orienta e se comunicam com eles através de sonhos e visões tomando forma de animais (especialmente serpentes), possuindo alguém, ou através de uma série de sinais (geralmente eventos fora do comum).

MACUA – Ritos de passagem: O nascimento

(CONTINUA A LER… )

perMacua6-1